Logo

Consulta Remédios

Anvisa

Citoneurin

14 ofertas
Merck
Item-1 Princípio ativo: cianocobalam+piridoxina+procaina+tiamina Item-3 Necessita de receita. Item-3 Branca comum.
Publicidade

Indicações: Lombalgias, cervicalgias, braquialgias, radiculite, neuropatias periféricas de etiopatogenia diversa, neuralgias faciais, neuralgia do trigêmeo, neuralgia intercostal, neuralgia herpética, neuropatia alcoólica, neuropatia diabética, síndrome do conduto do carpo, fibromialgia, espondilite.

Contra-Indicações: Hipersensibilidade a qualquer dos componentes da fórmula.
Policitemia vera.
Porfiria aguda.
Úlceras pépticas, gastrites e duodenites.
Discrasias sanguíneas, estados hemorrágicos e lesões hepáticas.

Interação: A piridoxina reduz a eficácia de Levodopa no tratamento da doença de Parkinson.
Piridoxina durante um mês produz diminuição das concentrações séricas de fenobarbital e de fenitoína.
A ciclosserina e a hidralazina reduzem o efeito da vitamina B6.
A piridoxina pode diminuir as concentrações plasmáticas da ciclosporina.
Absorção reduzida da vitamina B12 com colchicina, potássio, ácido aminossalicílico e seus sais, anticonvulsivantes (fenitoína, fenobarbital, primidona), álcool.
O ácido ascórbico pode destruir quantidades importantes da vitamina B12.
A utilização concomitante com outros antiinflamatórios não-esteroidais pode aumentar o risco de reações adversas.

Posologia: Comprimidos: 2 a 3 comprimidos ao dia, preferencialmente após as refeições.
Injetável: 1 aplicação por dia.

Classe Terapêutica: Analgésicoantiinflamatório

Categorias: Vitaminas e Minerais, Vitamina B

Mostrando valores referentes ao ICMS de 18% - São Paulo. Altere sua localização Está em outro lugar? Cadastre-se ou faça o login.

Feedback-icon
Anvisa

Todas as informações contidas neste site têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

SE PERSISTIREM OS SINTOMAS O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.

PROCURE UM MÉDICO E O FARMACEUTICO. LEIA A BULA.