Logo

Consulta Remédios

Anvisa

Claritromicina

25 ofertas Item-1 Princípio ativo: claritromicina Item-2 Medicamento genérico de klaricid Item-3 Necessita de receita. Item-3 Receita retida. Item-3 Branca 2 vias.
Publicidade

Indicações: Tratamento de infecções de vias aéreas superiores e inferiores, e infecções de pele e tecidos moles, por todos os microorganismos sensíveis à claritromicina.
Indicado em associação com outros antimicobacterianos para o tratamento do complexo Mycobacterium avium.

Contra-Indicações: Hipersensibiliade ao componente da fórmula.
Pacientes com anormalidades cardíacas preexistentes (arritmias, bradicardia, prolongamento do intervalo QT, cardiopatia isquêmica, insuficiência cardíaca congestiva, etc.), ou distúrbios hidroeletrolíticos.
Crianças com idade inferior a 12 anos.

Interação: Pode aumentar a concentração ou a ação de carbamazepina, teofilina, digoxina, varfarina.
Pode diminuir a ação de zidovudina.
Pode ter sua ação diminuída por rifabutina, rifampicina.
Pode provocar arritmias graves com cisaprida, pimozida, terfenadina.

Posologia: Adultos: um comprimido de 250 mg, por via oral, a cada 12 horas.
Nas infecções mais graves, a posologia pode ser aumentada para 500 mg, a cada 12 horas. A duração habitual do tratamento é de 7 a 14 dias.

Classe Terapêutica: Antibiótico

Categorias: Alergia e Infecção, Antibiótico

Feedback-icon
Anvisa

Todas as informações contidas neste site têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

SE PERSISTIREM OS SINTOMAS O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.

PROCURE UM MÉDICO E O FARMACEUTICO. LEIA A BULA.