Logo

Consulta Remédios

Anvisa

Nifedipress

4 ofertas
Medquímica
Item-1 Princípio ativo: nifedipino Item-3 Necessita de receita. Item-3 Branca comum.
Publicidade

Indicações: Doença arterial coronária:
- Angina do peito crônica estável (angina de esforço).
- Angina do peito vasoespástica (angina de Prinzmetal e angina variante).
· Hipertensão essencial.
· Crise hipertensiva.

Contra-Indicações: Conhecida hipersensibilidade ao nifedipino.
O nifedipino não deve ser usado na gravidez e na amamentação.
O nifedipino em cápsulas de liberação rápida é contra-indicado em angina instável e nas quatro semanas iniciais após infarto agudo do miocárdio

Interação: O efeito anti-hipertensivo do nifedipino pode ser potencializado pela administração concomitante de outras drogas anti-hipertensivas.
Diminuição dos efeitos terapêuticos do Nifedipino com o uso dos seguintes fármacos:
- Fenobarbital, Fenitoína, Carbamazepina, Diclofenaco, Ibuprofeno, Piroxicam, Claritromicina, Eritromicina, Rifampicina, Cetoconazol e Miconazol.
Cimetidina: potencializa o efeito anti-hipertensivo.



Posologia: O tratamento deve ser individualizado de acordo com a gravidade da doença e a resposta do paciente. Dependendo do quadro clínico em cada caso, a dose deve ser introduzida gradualmente. Em pacientes com disfunção hepática, deve-se fazer monitoração cuidadosa; em casos graves pode haver necessidade de redução da dose.

Classe Terapêutica: Antihipertensivo

Categorias: Pressão Alta, Antihipertensivos

Feedback-icon
Anvisa

Todas as informações contidas neste site têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

SE PERSISTIREM OS SINTOMAS O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.

PROCURE UM MÉDICO E O FARMACEUTICO. LEIA A BULA.