Logo

Consulta Remédios

Anvisa

Tegretard (C1)

4 ofertas
Cristália
Item-1 Princípio ativo: carbamazepina Item-3 Necessita de receita. Item-3 Receita retida. Item-3 C1 Branca 2 vias.
Publicidade

Indicações: Epilepsia: grande mal, psicomotora, temporal. Nevralgia do trigêmeo. Distúrbio maníaco-depressivo, não responsivo ao lítio. Síndrome de abstinência alcoólica.

Contra-Indicações: Hipersensibilidade à droga e a compostos tricíclicos. Pacientes com história anterior de depressão da medula óssea. Pacientes com alteração na função hepática, desordens hematopoiéticas, glaucoma, retenção urinária, distúrbio cardiovascular e com crises de ausência.

Interação: Pode diminuir a ação dos anticoagulantes orais, anticonvulsivantes, barbitúricos, benzodiazepínicos e haloperidol. Pode ter sua ação e efeitos tóxicos aumentados por cimetidina, claritromicina, diltiazem, verapamil, eritromicina, propoxifeno. Pode aumentar os riscos de reações adversas graves com inibidores da MAO. Fenobarbital, fenitoína e valproato podem aumentar o metabolismo da carbamazepina.

Efeitos Adversos
Tontura, dor de cabeça, ataxia, sonolência, vertigem, cansaço, visão dupla. Náusea, vômito, constipação, diarréia. Reações de hipersensibilidade. Síndrome de Stevens-Johnson. Anemia aplástica, agranulocitose, púrpura, eosinofilia, leucopenia, trombocitopenia e linfadenopatia. Confusão mental, agitação psicomotora e psicose.

Posologia: Epilepsia: 100mg a 200mg VO, 1 a 2 vezes ao dia. Aumentar lentamente a dose até 400mg VO, 2 a 3 vezes ao dia, se necessário.
Nevralgia do trigêmeo: 200mg a 400mg VO, 3 a 4 vezes ao dia. Em idosos, iniciar com 100mg VO, 2 vezes ao dia.
Síndrome de abstinência alcoólica: 200mg VO, 3 vezes ao dia. Em casos graves, a dose pode ser elevada nos primeiros dias para 400mg VO, 3 vezes ao dia.
Distúrbio maníaco-depressivo: 400mg a 600mg VO, divididos em 2 a 3 doses.
Criança abaixo de 6 anos: 100mg/dia

Classe Terapêutica: Anticonvulsivantes

Categorias: Sistema Nervoso, Convulsão e Epilepsia

Feedback-icon
Anvisa

Todas as informações contidas neste site têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

SE PERSISTIREM OS SINTOMAS O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.

PROCURE UM MÉDICO E O FARMACEUTICO. LEIA A BULA.