Diabetes gestacional: desequilíbrio na produção da glicose é uma das causas

Publicado na categoria Gravidez em 03 de Janeiro de 2016 | Por Paulo

A diabetes gestacional costuma acontecer devido a elevação do nível de açúcar no sangue e normalmente é diagnosticada durante a gestação. Mulheres que já tiveram ou tem a doença precisam estar atentas, pois elas e até mesmo seus filhos, possuem mais chances de desenvolver a diabetes do tipo 2.

As causas

A doença acontece devido a um desequilíbrio na produção e captação da glicose por causa dos hormônios da gravidez.

Sintomas comuns

Na maioria das vezes os sintomas não aparecem. Em outros casos o que pode ser sentido é: fadiga, visão embaçada, náuseas e vômitos, aumento da sede e perda de peso, mesmo com o aumento do apetite.

Os riscos da doença incluem: elevado peso do bebê, maior chance de parto cesáreo e hipertensão, além de queda descontrolada de açúcar (hipoglicemia).

Diagnóstico

O diagnóstico pode ser feito por meio de exame, durante o pré-natal, entre a 24ª e a 28ª semana de gestação. 

Tratamento

Caso não haja contraindicação, o tratamento a base de exercícios físicos leves e uma dieta é o recomendado. Sempre com acompanhamento médico.

Quando a glicose no sangue não consegue ser estabilizada, pode ser necessário incluir a insulina no tratamento.

Prevenção

Os métodos de prevenção incluem uma boa alimentação, prática de exercícios físicos e evitar excesso de peso na gravidez.

© 2017 Consulta remédios. Todos os direitos reservados.

Receba nossos conteúdos diretamente em seu email

Ao concluir você aceita a nossa Política de Privacidade

Comentários