Menelat (C1)

Ofertas a partir de R$102,65em 1 farmácias

1 oferta

45mg, caixa com 30 comprimidos

EAN 8902220106987
PL Produto Liberado
Ordenar por
Lojas que entregam em: Chácara Maria Trindade, São Paulo - SP
Carregando ofertas...

Buscar por tipo

Relacionados ao medicamento Menelat (C1)

1 oferta

30mg, caixa com 30 comprimidos

EAN 8902220106970
PL Produto Liberado
Ordenar por
Lojas que entregam em: Chácara Maria Trindade, São Paulo - SP
Carregando ofertas...

Sem ofertas

30mg, caixa com 10 comprimidos

EAN 8902220107809
PL Produto Liberado
Carregando ofertas...

No momento nenhuma farmácia está ofertando a apresentação deste medicamento.

Deixe seu e-mail para ser notificado quando houver ofertas desta apresentação.

Bula

- É indicado no tratamento dos estados depressivos.

Uso Oral.

- Em dose única diária, antes de deitar.

Adultos: Iniciar com 15 mg podendo chegar na dose máxima diária de 45 mg, respeitando uma semana de intervalo entre os aumentos.

- Durante Gravidez e Lactação.
- Hipersensibilidade à Mirtazapina.
- Crianças.

Aumento do apetite e ganho de peso, dor de cabeça, boca seca.

Sonolência, letargia, tontura, agitação, desmaios, inchaço, confusão, problemas de sono, pesadelos, alucinações, alterações nos batimentos cardíacos.

- Não quebre o comprimido orodispersível.
- O comprimido desintegrar-se-á rapidamente e pode ser engolido sem água.

Não tome mirtazapina em combinação com:
- Inibidores da monoamino oxidase (IMAO). Não tome, também, mirtazapina durante as duas semanas depois de ter interrompido o tratamento com os IMAO. Se você interromper o tratamento com mirtazapina, não tome medicamentos contendo IMAO durante as próximas duas semanas. Exemplos de IMAO são moclobemida, tranilcipromina (ambos são antidepressivos) e selegilina (usada para tratamento da doença de Parkinson).
Tome cuidado quando tomar mirtazapina em combinação com:
- Antidepressivos, tais como inibidores seletivos da recaptação da serotonina (SSRIs), venlafaxina e L-triptofano ou triptanos (usados para tratar enxaqueca), tramadol (analgésico potente), linezolida (antibiótico), lítio (usado para tratar algumas condições psiquiátricas), azul de metileno (usado para tratar níveis elevados de metemoglobina no sangue) e preparações contendo erva de São João (Hypericum perforatum) (medicamento fitoterápico para tratar depressão). Em casos muito raros, mirtazapina isoladamente ou em combinação com esses medicamentos, pode causar a chamada síndrome da serotonina. Alguns dos sintomas dessa síndrome são: febre não explicável, suor excessivo, aumento da frequência cardíaca, diarreia, contrações musculares (incontroláveis), calafrios, reflexos hiperativos, inquietação, alterações do humor e falta de consciência. Se você apresentar a combinação desses sintomas, informe seu médico imediatamente.
- Antidepressivo nefazodona. Ela pode aumentar a quantidade de mirtazapina no sangue. Informe seu médico se você estiver utilizando esse medicamento. Poderá ser necessário reduzir a dose de mirtazapina, e quando o uso da nefazodona for interrompido, a dose de mirtazapina deve ser aumentada novamente.
- Medicamentos para ansiedade ou insônia, tais como as benzodiazepinas;
- Medicamentos para esquizofrenia, tal como olanzapina;
- Medicamentos para alergias, tal como cetirizina;
- Medicamentos para dor intensa, tal como morfina.
- Em combinação com esses medicamentos, mirtazapina pode aumentar a sonolência causada por eles.

Informações Profissionais

  • FABRICANTE

    Torrent

  • TIPO DO MEDICAMENTO

    Referência

  • NECESSITA DE RECEITA

    Sim, C1 Branca 2 vias

  • PRINCÍPIO ATIVO

    Mirtazapina

  • CATEGORIAS DO MEDICAMENTO

    Depressão

  • CLASSE TERAPÊUTICA

    Anti-Depres.Tod.Outros

  • ESPECIALIDADES

    Psiquiatria

VEJA MAIS NO CR PRO
Publicidade

CR Saúde

Farmácias e Especialistas

Pergunte ao Farmacêutico

45mg, caixa com 30 comprimidos
Apresentação selecionada:
45mg, caixa com 30 comprimidos