Logo

Consulta Remédios

Anvisa

Depakote Er (C1)

5 ofertas
Abbott
Item-1 Princípio ativo: divalproato sodio Item-3 Necessita de receita. Item-3 Receita retida. Item-3 C1 Branca 2 vias.
Publicidade

Indicações: Epilepsia.
Tratamento de episódios de mania associados com transtornos bipolares.
Profilaxia de enxaquecas.

Contra-Indicações: Hipersensibilidade aos componentes da fórmula.
Gravidez e lactação.
Pacientes com doença hepática ou disfunção hepática.
Pacientes com o conhecido distúrbio do ciclo da uréia.

Interação: Fenitoína, carbamazepina e fenobarbital (ou primidona) podem duplicar a eliminação de valproato.
O Divalproato de Sódio pode potencializar a atividade depressora do álcool sobre o Sistema nervoso central.
A fração livre de valproato aumenta quatro vezes na presença de ácido acetilsalicílico.
O uso concomitante de ácido valpróico e de clonazepam pode induzir estado de ausência em pacientes com história desse tipo de crises.
Deve-se ter cautela o uso com varfarina e primidona.
Pode inibir o metabolismo do diazepam.

Posologia: Epilepsia:
- Iniciar a terapia com 10 a 15 mg/kg/dia. A dose deve ser aumentada de 5 a 10 mg/kg/semana até atingir uma resposta clínica ótima. De maneira geral, a resposta ótima é alcançada com doses menores que 60 mg/kg/dia.
Mania:
- A dosagem inicial recomendada é de 750 mg diariamente, em doses divididas.
Enxaqueca:
- A dose inicial recomendada é de 250 mg duas vezes ao dia.

Classe Terapêutica: Anticonvulsivante

Categorias: Sistema Nervoso, Convulsão e Epilepsia

Feedback-icon
Anvisa

Todas as informações contidas neste site têm a intenção de informar e educar, não pretendendo, de forma alguma, substituir as orientações de um profissional médico ou servir como recomendação para qualquer tipo de tratamento. Decisões relacionadas a tratamento de pacientes devem ser tomadas por profissionais autorizados, considerando as características de cada paciente.

SE PERSISTIREM OS SINTOMAS O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.

PROCURE UM MÉDICO E O FARMACEUTICO. LEIA A BULA.