Labirin

Ofertas a partir de R$12,43em 16 farmácias

16 ofertas

16mg, caixa com 30 comprimidos

EAN 7896637022903
PMC/SP R$ 32,09
Ordenar por
Lojas que entregam em: Chácara Maria Trindade, São Paulo - SP
Carregando ofertas...

15 ofertas

24mg, caixa com 30 comprimidos

EAN 7896637023771
PMC/SP R$ 42,97
Ordenar por
Lojas que entregam em: Chácara Maria Trindade, São Paulo - SP
Carregando ofertas...

15 ofertas

8mg, caixa com 30 comprimidos

EAN 7896637022897
PMC/SP R$ 26,59
Ordenar por
Lojas que entregam em: Chácara Maria Trindade, São Paulo - SP
Carregando ofertas...

Sem ofertas

8 mg com ct bl al plas inc x 60

EAN 7896637024709
PMC/SP R$ 52,68
Carregando ofertas...

No momento nenhuma farmácia está ofertando a apresentação deste medicamento.

Deixe seu e-mail para ser notificado quando houver ofertas desta apresentação.

Sem ofertas

16 mg com ct bl al plas inc x 60

EAN 7896637024716
PMC/SP R$ 63,58
Carregando ofertas...

No momento nenhuma farmácia está ofertando a apresentação deste medicamento.

Deixe seu e-mail para ser notificado quando houver ofertas desta apresentação.

Sem ofertas

24 mg com ct bl al plas inc x 60

EAN 7896637024723
PMC/SP R$ 85,11
Carregando ofertas...

No momento nenhuma farmácia está ofertando a apresentação deste medicamento.

Deixe seu e-mail para ser notificado quando houver ofertas desta apresentação.

Bula

Este medicamento é destinado ao:
- Tratamento sintomático da tontura
- Tratamento da Síndrome de Menière caracterizada pelos sintomas: vertigem (com náusea e vômito), perda de audição e zumbido.

COMO ESTE MEDICAMENTO FUNCIONA?

LABIRIN (dicloridrato de betaistina) melhora os sintomas de vertigem e zumbido. Esta melhora pode ser observada após algumas semanas de tratamento.

Uso Adulto:
A dose recomendada é de 1 comprimido de 24 mg, por via oral, a cada 24 horas (24 mg/dia). A administração deve ser feita, de preferência, após a ingestão de alimentos.

Limite máximo diário: A dose máxima é de 48 mg/dia em doses divididas.

Duração do tratamento:
A duração recomendada do tratamento é de 2 a 3 meses a ser repetido de acordo com a melhora dos sintomas. A betaistina não é indicada para um tratamento de crises, mas para um tratamento prolongado, a ser mantido ou interrompido de acordo com a melhora da doença.

Siga a orientação de seu médico, respeitando os horários, as doses e a duração do tratamento.
Não interrompa o tratamento sem o conhecimento do seu médico. O tratamento com LABIRIN pode durar meses, de forma contínua ou descontínua.

Este medicamento não deve ser partido, aberto ou mastigado. O uso inadequado do medicamento pode mascarar ou agravar os sintomas.
Consulte um clínico regularmente. Ele avaliará corretamente a evolução do tratamento. Siga corretamente suas orientações.

Pacientes Idosos
As doses e cuidados para pacientes idosos são as mesmas recomendadas para os adultos.

 

 

Você não deve utilizar LABIRIN nos seguintes casos: alergia à betaistina ou a algum dos componentes da formulação, úlceras do estômago ou do duodeno e em pacientes que sofram de Feocromocitoma.

Gravidez e Amamentação:

Não é recomendado o uso de betaistina durante a gestação e a lactação. Não foram descritas, até o momento, alterações na fertilidade ou potencial carcinogênico, embora a droga esteja sendo utilizada há cerca de 30 anos na Europa. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Pacientes Idosos:

As doses e cuidados para pacientes idosos são as mesmas recomendadas para os adultos.

Durante o tratamento com Labirin podem ocorrer reações indesejáveis, sendo as mais comuns: dores de estômago, náuseas e vômitos Você deve tomar cuidado especial caso tenha sofrido de úlcera péptica.

Muito raramente podem ocorrer reações como diarréia, dor de cabeça e sonolência Informe ao seu médico, cirurgião-dentista ou farmacêutico o aparecimento de reações indesejáveis pelo uso do medicamento Informe a empresa sobre o aparecimento de reações indesejáveis e problemas com este medicamento, entrando em contato através do Centro de Atendimento ao Consumidor (CAC).

ATENÇÃO: Este produto é um medicamento que possui nova concentração no país e, embora as pesquisas tenham indicado eficácia e segurança aceitáveis, mesmo que indicado e utilizado corretamente, podem ocorrer reações adversas imprevisíveis ou desconhecidas. Nesse caso, informe seu médico ou cirurgião-dentista.

Alguns pacientes apresentaram sintomas leves como náusea, sonolência e dor abdominal. Outras complicações mais sérias como convulsão, problemas cardíacos e pulmonares foram observados em casos de dosagem intencional, combinada com outros medicamentos em altas dosagens. Em caso de uso de grande quantidade deste medicamento, procure imediatamente socorro médico e leve a embalagem ou bula do medicamento, se possível.

Nos asmáticos a administração de Labirin exige um acompanhamento cuidadoso devido ao risco de ocorrer broncoconstrição (falta de ar). Os comprimidos devem ser administrados junto às refeições para prevenir a ocorrência de cólicas gástricas.

Fale com seu médico ou farmacêutico se você está tomando ou tomou recentemente algum outro medicamento, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica e medicamentos fitoterápicos (medicamentos obtidos de matérias-primas ativas vegetais).

Em particular, fale com seu médico ou farmacêutico se você está tomando algum dos seguintes medicamentos:

  • - Anti-histamínicos – esses podem (em teoria) diminuir o efeito de betaistina (substância ativa deste medicamento). betaistina também pode diminuir o efeito dos anti-histamínicos.
  • - Inibidores de monoamina-oxidase (IMAOs) como, por exemplo, selegilina – usados para tratamento de depressão ou doença de Parkinson. Estes medicamentos podem aumentar a quantidade de betaistina no organismo.

Se alguma das situações acima se aplicam a você (ou você não tem certeza), fale com o seu médico ou farmacêutico antes de tomar betaistina.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde.

Informe ao seu médico ou cirurgião-dentista se você está fazendo uso de algum outro medicamento.

Não use medicamento sem o conhecimento do seu médico. Pode ser perigoso para a sua saúde

Reg. MS nº 1.0118.0596
Farmacêutico Responsável: Alexandre Tachibana Pinheiro - CRF-SP nº 44081
Registrado e Fabricado por
APSEN FARMACÊUTICA S/A
Rua La Paz, nº 37/67 - São Paulo - SP
CNPJ 62.462.015/0001-29
INDÚSTRIA BRASILEIRA
Centro de Atendimento ao Consumidor: 0800 16 5678

Você deve manter os comprimidos em sua embalagem original, na temperatura ambiente (entre 15 e 30ºC), protegidos da luz e umidade.

O prazo de validade de LABIRIN é de 24 meses após a data de fabricação.

Número de lote e datas de fabricação e validade: vide embalagem. Não use medicamento com o prazo de validade vencido. Para sua segurança, mantenha o medicamento na embalagem original. LABIRIN comprimido de 24 mg é circular branco e levemente amarelado. Antes de usar, observe o aspecto do medicamento.

Caso você observe alguma mudança no aspecto do medicamento que ainda esteja no prazo de validade, consulte o médico ou o farmacêutico para saber se poderá utilizá-lo.

Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças

cada comprimido contém 24mg
dicloridrato de betaistina 24mg
excipientes 1 comp

*Excipientes: Lactose, Amido, Polivinilpirrolidona K30, Fosfato tricálcico, Dióxido de silício coloidal, Estearato de magnésio, Croscarmelose sódica.

Informações Profissionais

  • FABRICANTE

    Apsen

  • TIPO DO MEDICAMENTO

    Referência

  • NECESSITA DE RECEITA

    Sim, Branca Comum

  • PRINCÍPIO ATIVO

    Betaistina

  • CATEGORIAS DO MEDICAMENTO

    Antivertiginosos

  • CLASSE TERAPÊUTICA

    Antivertiginoso

  • ESPECIALIDADES

    Neurologia

VEJA MAIS NO CR PRO
Publicidade

Farmácias e Especialistas