Encontre lojas que entregam na sua região

Trivagel N

1 apresentação
A partir de R$
53,43
Offer highlight

Encontre o menor preço de Trivagel N

Digite seu CEP para encontrar todas as farmácias que entregam na sua região.
Lojas que vendem e entregam em: Batel - Curitiba - PR
creme vaginal, bisnaga com 60g + 10 aplicadores
Trivagel N

creme vaginal, bisnaga com 60g + 10 aplicadores

MS 1015500070036PMC/PR R$ 62,02

Bula do Trivagel N

Vaginites e vulvovaginites, cervicites, uretrites, pruridos vulvares.

TRIVAGEL-N está contra-indicado em pacientes que apresentam manifestações alérgicas a qualquer um dos seus componentes, particularmente a neomicina, podendo ocorrer exante-mas cutâneos em 6 a 8% dos pacientes. Indivíduos sensíveis a neomicina poderão desenvolver reação cruzada quando expostos a outros aminoglicosídeos.

Não é conveniente o seu uso em pacientes imunodeprimidos ou com processos extremamente purulentos na mucosa vaginal e em pacientes com Infecções virais tópicas ou sistêmicas, Insuficiência cardíaca, Úlcera péptica, Osteoporose e Diabetes mellitus.

Apesar de sua ação local, recomenda-se cuidado ao administrar a pacientes nefropatas, hepatopatas ou com comprometimento auditivo.

Carregar o aplicador até o seu limite (5g) e aplicar via vaginal 1 vez ao dia por 7 a 10 dias.

Instruções de uso:

Você encontrará nesta embalagem 1 (uma) bisnaga com 35 gramas de creme e 07 aplicadores descartáveis. Para utilizar o medicamento, proceda da seguinte maneira:

  • 1. Retire a tampa da bisnaga.
  • 2. Perfure o lacre da bisnaga com o fundo da tampa e adapte o aplicador.
  • 3. Aperte suavemente a bisnaga até que o êmbolo chegue ao topo, enchendo o aplicador.
  • 4. Retire o aplicador e feche novamente a bisnaga.
  • 5. Introduzir profundamente o aplicador que contém o creme, na vagina, preferencialmente na posição deitada, elevando-se as pernas.

ATENÇÃO

Transferir todo o conteúdo do aplicador na vagina. Após usar o aplicador, deve-se descartá-lo.

Durante o tratamento, o medicamento deve ser conservado em tempertaura ambiente (entre 15°C e 30°C), protegido da luz e umidade.

Seu uso durante a gestação e lactação deve ficar a critério médico já que não existem dados disponíveis.

NÃO PODERÁ SER APLICADO EM GRANDES ÁREAS DO CORPO, QUANDO EXISTIREM LESÕES DE QUALQUER TIPO, FERIDAS OU QUEIMADURAS.

Produto de uso exclusivo em adultos.

Pacientes idosos

Não há recomendações especiais sobre o uso do produto em idosos, desde que observadas as precauções e contra-indicações comuns ao produto.

O uso em crianças representa risco à saúde.

São raras as reações adversas relacionadas aos seus efeitos sistêmicos devido ao seu uso local, tais como ototoxicidade, nefrotoxicidade e bloqueio neuromuscular. Poderá ocorrer irritação local e sensibilidade.

Pacientes idosos

Não há recomendações especiais sobre o uso do produto em idosos, desde que observadas as precauções e contra-indicações comuns ao produto.

Creme - cada 5g contém:
dexametasona (fosfato dissódico) 0,32mg
nistatina 100.000 UI
sulfato de neomicina 10mg
tirotricina 2mg
propionato de sódio 50mg
ácido bórico 150mg

Excipientes: emulgade, óleo mineral, lorol, metilparabeno, propilparabeno, ácido lático e água destilada.

Até o momento não há relatos de superdosagem. Caso ocorra, o tratamento deverá ser de suporte e sintomático.

Os corticosteroides utilizados por via dermatológica podem ser absorvidos e causar as mesmas interações correspondentes a seu uso sistêmico.

Tratamentos prolongados e/ou em áreas muito extensas bem como curativos oclusivos são condições que propiciam uma maior absorção.

Os medicamentos abaixo podem interferir com a ação terapêutica dos corticosteroides:

Resultados de eficácia

A psoríase leve a moderada pode ser controlada com terapia tópica; no entanto, a terapia tópica deve ser administrada com terapia adjuvante no tratamento da psoríase grave e prolongada. Pesquisa com glicocorticoide é um processo contínuo, com o desenvolvimento de agentes terapêuticos hiperseletivos que atuam em diferentes fases da resposta inflamatória da psoríase.

O tratamento deve ser adaptado de forma individual, a prescrição para cada paciente, o veículo mais adequado. Apesar de pomadas serem clinicamente mais eficazes em sintomas da psoríase, o que realmente importa é o desejo do paciente, e a maneira como ele adere ao tratamento dermatológico.

Cada paciente vai aderir "melhor" para veículos diferentes, alguns preferem pomadas, outros gel ou spray, e outros preferem oclusão.

Uma supervisão ajustada durante o tratamento com corticosteroides dermatológicos, dando suporte e respostas às preocupações do paciente devem ser fornecidas, e isso pode fazer a diferença entre um tratamento bem sucedido e um agravamento da doença.

Os antibióticos de uso dermatológicos são amplamente utilizados em dermatologia para uma variedade de indicações. Alguns dos usos mais frequentes são apoiados pela quantidade razoável de evidências científicas, enquanto outros são baseados em apoio anedótico, julgamento clínico, ou hábito com base no dogma reciclado que não são suportados por dados científicos. As alterações microbiológicas induzidas por uso tópico de antibióticos indicados por considerações médicas apoiam o conceito de que os antibióticos devem ser utilizados criteriosamente.

Não há antibiótico tópico perfeito, e, portanto, pesquisadores e clínicos devem permanecer vigilantes para detectar resistência aos padrões e estabelecer o regime de tratamento ideal.

Características farmacológicas

A dexametasona é um glicocorticoide com potente ação anti-inflamatória, imunossupressora, antialérgica e anti-pruriginosa.

Atua inibindo a resposta inflamatória através de vários mecanismos: inibe a mobilização de neutrófilos e macrófagos para a área afetada; induz a síntese de uma proteína inibidora da fosfolipase A2, ocasionando assim diminuição na formação de prostaglandinas, substâncias fundamentais para o processo inflamatório; inibe a síntese da enzima responsável pela formação da fibrinolisina, substância que por hidrolisar a fibrina e outras proteínas facilita a entrada de leucócitos na área de inflamação. Por antagonizar os processos inflamatórios, a dexametasona proporciona rápido alívio da dor em processos de origem reumática e/ou traumática.

A neomicina é um amigoglicosídio, com ação geralmente bactericida. Inibe a síntese de proteínas em bactérias susceptíveis por ligação irreversível à subunidade 30S dos ribossomos.

Em geral, é ativa contra muitas bactérias gram-negativas (exceto Bacteroides spp. e Pseudomonas aeruginosa) e algumas gram-positivas aeróbicas (exceto Staphylococcus aureus).

É ineficaz contra fungos, vírus e a maioria das bactérias anaeróbicas. Entretanto, diferentes espécies e diferentes cepas de uma mesma espécie exibem grande variação na susceptibilidade in vitro. Além, disso, a susceptibilidade in vitro não se correlaciona sempre com a atividade in vivo.

Pode ser absorvida através da pele inflamada, e uma vez absorvida é rapidamente eliminada de forma inalterada através dos rins, com meia-vida em torno de 2 a 3 horas: sua ação se deve à inibição da síntese de proteína do microrganismo suscetível.

O creme é uma preparação hidrófila, permeável às secreções, que não interfere na regulação térmica e exerce uma ação refrescante.

O medicamento deve ser conservado em temperatura ambiente (entre 15°C e 30°C), protegido da luz e umidade.

M.S. 1.0155.0007
Farm. Resp: Regina H. V. Souza / CRF-SP no 6394
Marjan Indústria e Comércio Ltda
Rua Gibraltar,165 • Santo Amaro - São Paulo / SP
CEP: 04755-070 TEL: (11) 5642-9888
CNPJ no 60.726.692/0001-81

Informações Profissionais

Fabricante

Marjan Farma

Tipo do Medicamento

Referência

Necessita de Receita

Sim, Branca Comum

Categoria do Medicamento

Ginecológicos

Classe Terapêutica

Antifúngicos Ginecológicos

Especialidades

Dermatologia


Publicidade