Levofloxacino

Ofertas

Ofertas
Ordenar por
Filtrar por tipo de medicamento
Visualizar em

Informações do Levofloxacino

Descrição

Princípio ativo utilizado por pacientes com bronquite bacteriana. Disponível em comprimidos, comprimidos revestidos e solução para uso injetável.

Indicação

Tratamento de bronquite bacteriana, infecção da pele ou dos tecidos moles, infecção urinária, pielonefrite, pneumonia comunitária e sinusite aguda.

Contra-indicação

- Histórico de sensibilidade aos componentes de fórmula
- Pacientes com menos de 18 anos de idade
- Casos de tendinite ou ruptura de tendão
- Distúrbios eletrolíticos que não foram corrigidos
- Tratamento com remédios antiarrítmicos (classe IA ou III)
- Pacientes com prolongamento dos intervalos cardíacos

Tipo de receita

Branca 2 vias

Posologia

Comprimidos revestidos:
Tratamento de bronquite bacteriana: utilizar uma única dose de 500 mg diariamente. Utilizar o medicamento durante 7 dias.
Tratamento de infecção urinária ou pielonefrite: utilizar uma única dose de 250 mg diariamente. Utilizar o medicamento durante 7 dias.
Tratamento de infecção da pele ou dos tecidos moles: utilizar uma única dose de 500 mg diariamente. Usar o medicamento por um período de 7 a 10 dias.
Tratamento de pneumonia comunitária: Única dose de 500 mg diariamente. Utilizar o medicamento durante um período de 7 a 14 dias.
Tratamento de sinusite maxilar aguda: Única dose de 500 mg diariamente. Utilizar o medicamento durante um período de 10 a 14 dias.

Uso injetável de levofloxacino (500 mg em um volume de 100 mL) via infusão intravenosa:
Tratamento de bronquite bacteriana: utilizar uma única dose de 500 mg diariamente. De 7 a 14 dias.
Tratamento de infecção urinária ou pielonefrite: utilizar uma única dose de 500 mg diariamente. Durante 10 dias.
Tratamento de infecção da pele ou dos tecidos moles: utilizar uma única dose de 500 mg diariamente. De 7 a 10 dias.
Tratamento de pneumonia comunitária: utilizar uma única dose de 500 mg diariamente. De 7 a 14 dias.
Tratamento de sinusite maxilar aguda: utilizar uma única dose de 500 mg diariamente. De 7 a 14 dias.

Reações

Dores de cabeça, reações no local onde a injeção foi aplicada, diarréia, náuseas e constipação intestinal.

Riscos

Insônia, vaginite.

Interação medicamentosa

- Remédios que contém sais metálicos como alumínio, cálcio ou magnésio; sucralfato diminuem a sua ação.
- Didanosina minimiza a sua absorção.
- Potencializam a sua ação: cafeína, varfarina.
- Aumentam as chances de toxicidade: teofilina.
- O uso de medicamentos antiinflamatórios não esteroides aumentam as chances de estimulação do sistema nervoso central.

Cuidados/orientações

- Atenção: não utilizar durante na gravidez.
- Não amamentar.
- É necessário cautela ao realizar atividades que exijam atenção ou esforço físico.
- Verificar periodicamente as concentrações de glicose presentes na circulação sanguínea.
- No caso de presença de sintomas semelhantes aos de toxicidade hepática é necessário interromper o uso do medicamento.
- Aumente a ingestão de líquidos após o início do tratamento.
- Evite a exposição prolongada à luz solar.
- No caso de presença de sintomas indicativos de neuropatia é necessário interromper o uso do medicamento.
- Caso haja necessidade de utilizar antiácidos, sucralfato, sulfato ferroso ou zinco, esperar 2 horas antes de administrar as doses de levofloxacino.

Doenças relacionadas

Bronquite

infecção urinária

pneumonia comunitária

sinusite aguda

Especialidades médicas

Infectologia

Pneumologia

Nomes comerciais

Levaquin, Tavanic, Levofloxacino, Levcin, Levoxin, Tamiran, Tavaflox.

CDB (Denominação Comum Brasileira)

05257.